Correio Central
Voltar Notícia publicada em 12/05/2022

No Norte do Brasil, onda de frio extremo pode derrubar até 10 graus às temperaturas

Previsão do tempo indica que erupção polar histórica deve derrubar as temperaturas no Brasil na próxima semana. Temperaturas podem cair 10º C no Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Norte.

Nas próximas semanas pode haver uma queda acentuada de temperatura decorrente a uma intensa onde de frio. Além geada em amplos estados inclusive em áreas do Sudeste e Centro-Oeste, e há possibilidade de neve em alguns pontos do Sul do país. Vários recordes podem ser registrados neste período.

Ar frio

Na sexta-feira (13), a expectativa é que essa temperatura caia de forma expressiva e provocará geada nas serras gaúcha e catarinense. No fim de semana uma nova frente fria avança pelo sul do Brasil e deverá provocar chuva intensa em boa parte da Região.

A frente fria virá acompanhada de um ciclone extratropical, que ficará parado por vários dias no oceano, e um por uma intensa massa de ar polar que contribuirá para queda de temperatura acentuada. O frio mais intenso será previsto a partir do dia 17 de maio, mas principalmente entre os dias 18 e 19 de maio.

Possibilidade de neve

Com os ventos frios da massa de ar polar que já se espalham pelo o país, e o ciclone no oceano, podem levar um pouco de umidade para o continente. Essa junção de umidade com ar frio pode provocar neve ou algum outro tipo de precipitação invernal nos pontos mais altos da serra do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e deve acontecer entre os dias de 17 e 18 de maio de 2022.
Geada

A possibilidade de geada retornar entre os dias 17 e 22 de maio. Além dos estados do Sul, a chance de geada em Minas Gerais (sul), Serra da Mantiqueira e em alguns pontos de São Paulo, e em partes do Mato Grosso do Sul. Diferentemente das últimas semanas onde as baixas temperaturas, se deu somente as regiões de maior atitude no Sul do Brasil, o risco de geada aumenta nas demais localidades, inclusive em Curitiba.

Risco de geada

O frio deve atingir áreas do Sul, Sudeste, Centro-Oeste, e pode levar a queda de temperaturas, especialmente nas mínimas, no Norte do Brasil. Essa onda de frio promete ser intensa para o mês de maior e várias cidades podem bater recordes de muitos anos. Na capital paulista, por exemplo, a temperatura mínima pode ficar abaixo de 10°C no dia 19 de maio de 2022.

 

Fonte: Clima ao vivo