Correio Central
Voltar Notícia publicada em 27/01/2022

Fake News em RO: Menina de 12 anos não morreu por causa de vacina ou Covid-19 em Mirante da Serra

Luana tinha 13 anos e não 12, e era de Machadinho do Oeste; ela não tinha Covid-19 e faleceu em Porto Velho por doenças no fígado e rins.

O desrespeito ao luto não tem limites para negacionistas e pessoas que querem ver o quanto pior melhor, e em Rondônia a desinformação está levando indivíduos impulsionados pelas fake News a não se vacinarem, tampouco permitirem que seus filhos crianças e pré-adolescentes tomem o imunizante.

Uma foto da adolescente Luana, que faleceu na noite de sábado, foi postada em Mirante da Serra (RO), município localizado na região de Ouro Preto do Oeste (RO), desinformando que ela morreu depois de ter tomado vacina contra Covid-19, e está sendo prosperctada nas redes sociais na região Central do Estado de Rondônia, ampliando o sofrimento de familiares pela perda recente e induzindo pessoas ao medo da vacina.

Sobre a foto de Luana foi escrito a seguinte mensagem: “12 aninhos, de Mirante da Serra! Tomou vacina, teve uma reação muito forte e não resistiu. Aí está a prova quando muitos falam que tem que vacinar que ninguém morre que isso é lorota...”.  

O site Correio Central apurou a postagem e checou que adolescente Luana tinha 13 anos de idade e faleceu na noite do último sábado, em Porto Velho, vítima de uma doença que afetou seu fígado e rins, e o corpo dela foi sepultado em Machadinho D’Oeste onde sua família residia. O prefeito de Mirante da Serra desmentiu a postagem, a Polícia Civil será acionada.

As imbecilidades na postagem continuam: “Pessoal, essa vacina não foi aprovada e quem fez essa vacina deixou bem claro que não se responsabiliza por ela, e aí está uma menina que era saudável tinha tudo pela frente, foi tomar a bendita da vacina e não resistiu, infelizmente!”.    

Luana faleceu no sábado à noite em porto Velho, e em Machadinho foi realizado velório de caixão aberto. “Não tem nada de vacina, não tem nada de Covid, ela tinha problema de fígado e rim, e faleceu sábado em Machadinho”, disse ao Correio Central um tio da adolescente que reside em Mirante da Serra.    

Luana era filha de uma ex-moradora de Mirante da Serra que mudou para Machadinho do Oeste onde constituiu família. Familiares pedem que a polícia investigue em Mirante da Serra quem postou a fake News.

O prefeito do município de Mirante da Serra também se manifestou e afirmou que atitudes como essa prejudicam o processo de imunização da população, e pode comprometer o já precário sistema de saúde pública no combate à pandemia do coronavírus.

ADOLESCENTE TINHA 13 ANOS E NÃO ERA DE MIRANTE DA SERRA; ELA FALECEU EM PORTO VELHO E FOI SEPULTADA EM MACHADINHO DO OESTE 

Fonte: www.correiocentralro.com.br