Correio Central
Voltar Notícia publicada em 11/10/2021

5 romeiros morrem e 13 ficam feridos a caminho de Aparecida; PM morre em S.José

Romeiro dormiu embaixo de carreta e morreu esmagado; três ciclistas romeiros morreram atropelados.

Cinco pessoas morreram e 13 ficaram feridas em atropelamentos na Via Dutra neste final de semana, entre a noite de sábado e a manhã de domingo.

Segundo a PRF (Polícia Rodoviária Federal) e o Corpo de Bombeiros, todos eles caminhavam em direção a Aparecida, em razão da festa da Padroeira do Brasil. Neste ano, a celebração pode receber público.

Entre os mortos, há uma policial militar de São José dos Campos e um romeiro que se abrigou debaixo de um caminhão para fugir da chuva e acabou esmagado pelo veículo.

Entre os feridos, há uma gestante, duas crianças e duas pessoas em estado gravíssimo, encaminhadas a hospitais da região.

OCORRÊNCIAS - romeiro dormiu embaixo da carreta para se esconder da chuva e morreu esmagado

Na noite de sábado (9), por volta de 22h20, um carro conduzido por um homem de 74 anos e uma passageira de 62 anos atropelou três romeiros que caminhavam na Via Dutra em direção a Aparecida. A colisão ocorreu no trecho de São José.

Segundo a PRF, os romeiros foram atropelados logo após sair da cidade. As vítimas são homens e têm 23, 40 e 47 anos, este último um policial militar que morreu no local do acidente. Os dois ocupantes do carro tiveram ferimentos leves.

Às 4h30 de domingo (10), segundo relato da PRF, um homem de 40 anos que também peregrinava para Aparecida dormia debaixo da carreta de um bitrem, provavelmente para abrigar-se da chuva.

Sem saber da presença do romeiro debaixo do caminhão, o motorista colocou a combinação de veículos em movimento e esmagou a vítima sob os pneus do lado esquerdo do segundo semirreboque. O romeiro morreu no local.

O acidente ocorreu no pátio do posto de serviços Boi Mil, na altura do km 133 da Dutra, em Caçapava.

Também por volta de 4h deste domingo, duas mulheres foram atropeladas na altura do km 121 da Dutra, em Caçapava. Elas eram primas. A vítima de 42 anos era de Igaratá e morreu no local e a de 35 anos foi socorrida em estado gravíssimo para o Hospital Regional de Taubaté.

Segundo a PRF, ambas caminhavam pelo acostamento e faziam parte de um grupo de romeiros que partiu de São Paulo com destino a Aparecida. O motorista que as atropelou fugiu do local sem prestar socorro.

CICLISTAS

Por volta de 9h50 deste domingo, um grupo de romeiros foi atropelado na altura do km 96 da Dutra, em Pindamonhangaba. O acidente envolveu três veículos e cinco pessoas foram atingidas, sendo que um ciclista morreu no local.

Das cinco pessoas feridas, uma delas foi socorrida pelo helicóptero Águia da Polícia Militar com traumatismo craniano, em estado grave.

Segundo informações preliminares da PRF, uma mulher colidiu na traseira da bicicleta, perdeu o controle da direção do carro e atropelou os romeiros que estavam no canteiro, fora da rodovia. A motorista também ficou ferida.

Por volta de 1h30 da madrugada, um ciclista foi encontrado morto no km 158 da Dutra, em Jacareí. Trata-se de um homem de 52 anos. A PRF informou que a bicicleta tem sinais de impacto de outro veículo, que não foi identificado.

Às 4h, um ciclista romeiro foi atropelado por um carro no km 152 da Dutra, em São José. O homem de 34 anos foi levado ao Hospital Municipal da cidade com lesões moderadas. Segundo a PRF, o veículo invadiu a marca de canalização do local e atingiu o ciclista. O motorista fugiu do local sem prestar socorro.

Em Jacareí, uma colisão entre automóvel e caminhão deixou quatro vítimas feridas, entre elas uma gestante e duas crianças. Ninguém morreu.

Segundo os bombeiros, o acidente aconteceu na avenida Lucas Nogueira Garcês, próximo à ponte de retorno da Dutra para Jacareí.

A gestante foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) para a Santa Casa de Jacareí. Os ocupantes do caminhão não ficaram feridos. 

Xandu Alves - O Vale

Fonte: O Vale