Correio Central
Voltar Notícia publicada em 12/04/2022

Pastora Ivone Cordeiro, de Ouro Preto (RO), assume igreja na Bolívia, em Riberalta

Missionária trabalhou quase 10 anos evangelizando em Ouro Preto do Oese; ela pregou nas ruas durante a pandemia da Covid-19.

A pastora Ivone Cordeiro Marçal de Oliveira, foi empossada como a nova missionária no templo da IEAD na cidade de Riberalta, na Bolívia, a pastora foi enviada pela Igreja Assembleia de Deus de Ouro Preto do Oeste, para cumprir o trabalho de evangelização naquela região.  

Missionária Ivone foi pastora em Ouro Preto do Oeste por nove anos e 11 meses, ultimamente ela conduzia a igreja do Jardim Bandeirantes, localizada na Avenida Daniel Comboni, em frente o ginásio Agmar de Souza - Piauzão.

Ela ministrou a Palavra de Deus pelas ruas da cidade durante três anos, além de ter trabalhado com evangelização na Capelania da Casa de Detenção do município por 12 anos.  

Irmã Ivone era sempre vista com um microfone e uma caixa de som pregando pela cidade na Avenida Daniel Comboni próximo do AME (antigo Sesp), ou na Avenida XV de Novembro, na área central.

Com a chegada da pandemia ela não interrompeu sua missão, e continuou levando o Evangelho em vários pontos da cidade de Ouro Preto do Oeste.

GELADEIRA SOLIDÁRIA - Outro projeto idealizado pela irmã Ivone Cordeiro

Durante 2 anos Ivone Cordeiro conduziu o programa “Geladeira Solidária”, que consistia em manter uma geladeira funcionando em um endereço na Avenida Duque de Caxias. Doadores enchiam a geladeira com alimentos, e pessoas em vulnerabilidade social iam buscar algumas de suas necessidades básicas.

“Agora Deus tem um novo tempo para o meu ministério aqui na cidade de Riberalta, na Bolívia. Não sabemos por quanto tempo, e eu quero agradecer a Deus a toda família ouro-pretense por ser benção na minha vida e conto com apoio financeiro e também com as orações”, agradece.

Missionária Ivone chegou a Roberalta na quarta-feira da semana passada, assumiu a Congregação e retornou a Ouro Preto do Oeste para organizar documentação necessária para permanecer em solo boliviano. Hoje, terça (12), ela retorna em definitivo para sua missão religiosa pela IEAD em Riberalta.

“Estarei deixando os trabalhos nas ruas de ouro preto e atravessando o rio para  ganhar almas para o reino de Deus”, concluiu.

 

Fonte: www.correiocentralro.com.br